Fibria, em parceria com o BNDES, realiza R$ 11 milhões em investimento social no Mato Grosso do Sul

11/06/2018

Fibria, em parceria com o BNDES, realiza R$ 11 milhões em investimento social no Mato Grosso do Sul

Mais de 48 mil pessoas são beneficiadas com programas e projetos sociais com a segunda fábrica da empresa em Três Lagoas A Fibria, empresa brasileira e líder mundial na produção de celulose de eucalipto a partir de florestas plantadas, atua de forma responsável para fomentar o desenvolvimento contínuo das comunidades vizinhas às suas atividades. Com a segunda fábrica de celulose em Três Lagoas (MS), que iniciou sua operação no final de agosto do ano passado, a Fibria reafirma esse compromisso e, em parceria com o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), está investindo R$ 11,7 milhões em projetos sociais na região. Com esse investimento, será possível aumentar em quase 25% o número de localidades atendidas no Mato Grosso do Sul, entre urbanas e rurais, nos municípios de Três Lagoas, Brasilândia, Selvíria e Água Clara, com quase 34 projetos e mais de 48 mil pessoas beneficiadas. Atualmente, a Fibria mantém 20 projetos em parceria com as comunidades locais, beneficiando cerca de 8.000 pessoas diretamente, com investimento social de cerca de R$ 9 milhões. Com os novos investimentos, esse volume de recursos aplicados no estado do Mato Grosso do Sul saltará para R$ 28 milhões em dois anos. Com a segunda fábrica da Fibria em Três Lagoas (MS), os projetos serão fortalecidos e aprimorados, contemplando mais famílias e localidades. Com a ampliação dos programas, 13 linhas de investimentos nas áreas de desenvolvimento local estão sendo contempladas por meio do fortalecimento das associações comunitárias e suas redes, geração de renda, acesso tecnologia, equipamentos e insumos para aumentar a produção e produtividade das comunidades, acesso à agua com qualidade, infraestrutura, saúde, educação de jovens e adultos, cultura e esporte. Assim, essas ações estimulam a capacitação profissional das comunidades e a geração de emprego e renda em atividades complementares, contribuindo para o desenvolvimento local. Na Fibria, a sustentabilidade está no eixo do negócio e, por isso, incorpora-se à cultura com foco na geração de riqueza compartilhada, associada à conservação ambiental, à inclusão social e à melhoria da qualidade de vida. “A participação das comunidades e os resultados positivos adquiridos, por meio do diálogo aberto e transparente, mostram que a Fibria está caminhando na direção certa para contribuir com o desenvolvimento social da região e melhorar a qualidade de vida das pessoas. Com o início das operações da nossa segunda fábrica em Três Lagoas, estamos ampliando a cobertura dos programas e projetos e seguimos firmes para atingir as metas e executar os compromissos assumidos com as comunidades atendidas por nossas iniciativas sociais”, diz Fausto Camargo, gerente-geral de Sustentabilidade da Fibria. Além da ampliação dos programas e projetos sociais, a Fibria destinou para o Programa Básico Ambiental (PBA) um investimento social de R$ 6,2 milhões direcionado às áreas de saúde, educação, trânsito, segurança e outras ações para o município de Três Lagoas. As cidades sul-mato-grossenses de Brasilândia e Selvíria também foram contempladas, totalizando R$ 8 milhões com o PBA. Além disso, a empresa realizou o repasse de R$ 34 milhões como compensação ambiental para o Governo do Estado do Mato Grosso do Sul. Projetos e programas sociais em Mato Grosso do Sul A Fibria manterá os programas e projetos já desenvolvidos, reforçando sua estratégia social, e ampliará sua atuação social com a criação de novas frentes inseridas nas 13 linhas de investimentos. Conheça alguns dos projetos que já estão em desenvolvimento: Ampliação do Programa de Desenvolvimento Rural e Territorial - PDRT Atualmente, o PDRT já é desenvolvido em oito comunidades e assentamentos nas cidades de Três Lagoas, Brasilândia e Selvíria. Com a ampliação, passará a atender 13 comunidades. O objetivo é buscar o desenvolvimento rural local por meio do fortalecimento das associações comunitárias e suas redes, focando o apoio às suas cadeias produtivas para promover a capacitação das associações em gestão, produção e comercialização. Um dos indicadores é a renda média declarada de cada família contemplada no PDRT que, com o investimento, aumentou 54% em um ano. Foram realizadas algumas ações de infraestrutura como construção de 31 currais que proporcionam um aumento na qualidade do leite, perfuração de 92 poços rasos, entrega de mais de 300 filtros biológicos e uma casa do mel.   Programa Colmeias O objetivo é incentivar os múltiplos usos das florestas plantadas de eucalipto e fortalecer a cadeia de produção e comercialização de mel na área de atuação da Fibria. No Mato Grosso do Sul, são beneficiadas as cidades de Três Lagoas, Brasilândia, Água Clara e Selvíria. Atualmente, abrange mais de 150 apicultores e um aumento de 86% do número de colmeias em um ano.   Sorriso Saudável O projeto leva saúde bucal às comunidades localizadas em área rural. Os atendimentos são realizados na própria comunidade, dentro de uma unidade móvel odontológica equipada. Foram realizados mais de 8.300 procedimentos dentários e entregues mais de 220 próteses.   Artesanato Ofayé Oficinas de bordado, tingimento vegetal, costura e estamparia são realizadas na aldeia indígena Anodi, localizada em Brasilândia (MS). O intuito é fortalecer e divulgar a cultura da única etnia Ofayé existente no mundo. O projeto proporciona renda para 19 indígenas.   Sobre a Fibria Líder mundial na produção de celulose de eucalipto, a Fibria é uma empresa que procura atender, de forma sustentável, à crescente demanda global por produtos a partir da floresta plantada. Com capacidade produtiva de 7,25 milhões de toneladas de celulose por ano, a companhia conta com unidades industriais localizadas em Aracruz (ES), Jacareí (SP) e Três Lagoas (MS), além de Eunápolis (BA), onde mantém a Veracel em joint-operation com a Stora Enso. A companhia possui 1,092 milhão de hectares de florestas, sendo 656 mil hectares de florestas plantadas, 374 mil hectares de áreas de preservação e de conservação ambiental e 61 mil hectares destinados a outros usos. A celulose produzida pela Fibria é exportada para mais de 35 países e matéria-prima para produtos de educação, saúde, higiene e limpeza. Saiba mais em www.fibria.com.br    

Fibria