29 de Setembro de 2020

(67) 3521-0808


Home
Meio Ambiente Cidade Política Geral Poesias Economia Dr. Sérgio Luís Entretenimento Esporte
Fotos Vídeos Contato 103 Anos de Três Lagoas
×





11/09/2020

Suzano gera 673 vagas de emprego neste ano para Três Lagoas e região

A empresa está em processo seletivo para preencher mais 36 vagas de emprego em Mato Grosso do Sul; as vagas estão abertas para todos, sem discriminação por gênero, idade, etnia, deficiência ou orientação sexual.

A Suzano, referência global na fabricação de bioprodutos desenvolvidos a partir do cultivo de eucalipto, gerou 673 oportunidades de emprego em Três Lagoas e região de janeiro a agosto deste ano. A maioria das vagas foi destinada à silvicultura em decorrência do crescimento da demanda no setor, alinhada à estratégia de produção da companhia.

 

 “É constante a nossa busca por maior eficiência e qualidade nas nossas operações, o que, inclui, o nosso quadro de colaboradores. Desde o começo do ano, estamos adotando algumas medidas para investir cada vez mais nos nossos colaboradores e ratificar um compromisso assumido quando chegamos a Três Lagoas, que é de gerar trabalho e renda na cidade. Os resultados são estes que estamos vendo: abrimos mais de 600 vagas no ano”, destaca Angela Aparecida dos Santos, gerente de Gente e Gestão da Suzano em Mato Grosso do Sul.

 

Das 673 vagas abertas na unidade neste ano, 536 são para colaboradores próprios e 137 em caráter temporário. Deste total, 392 foram abertas em Três Lagoas, 213 em Brasilândia e outras 68 para atender as operações da empresa em Água Clara. Somente em agosto, foram 55 vagas abertas nesses três municípios.

 

Entre os meses de julho e agosto, também foram realizadas duas edições do Programa de Qualificação de Operadores de Máquinas Florestais à distância, que, além do pioneirismo na forma de treinar pessoas, resultaram na contratação imediata de 24 novos profissionais. “O programa de qualificação profissional faz parte dos direcionadores culturais da empresa, que é de gerar e compartilhar valor, e visa colaborar para o desenvolvimento sustentável da região onde atuamos. Mesmo aqueles que não foram contratados de imediato pela empresa, com certeza, agora terão mais chances de recolocação no mercado de trabalho”, completa Angela.

 

Novas vagas

 

Já para a primeira quinzena deste mês, a Suzano está em processo seletivo para preencher mais 36 vagas em Três Lagoas e região. Para o setor florestal, são quatro processos seletivos em andamento. Entre eles, para operador(a) de Colheita Florestal, com 30 vagas; uma vaga para analista PCP (Plano e Controle de Produção) Júnior; uma vaga para técnico(a) de Logística Florestal II e uma vaga para técnico(a) PCP Florestal II. Já para o setor industrial são duas vagas: técnico(a) de Manutenção III e Caldeireiro ou Caldeireira Industrial. Há também uma vaga para o técnico(a) de enfermagem, para integrar o time de Gente e Gestão.

 

As vagas estão disponíveis na página de empregos da Suzano (https://jobs.kenoby.com/Suzano), onde os interessados terão acesso ao detalhamento dos processos seletivos, pré-requisito para cada vaga e inscrições.

 

As seleções estão abertas a todos os interessados com mais de 18 anos, sem distinção de gênero, classe social, deficiência, orientação sexual, etnia/raça, origem ou estereótipo. Os prazos para inscrições variam entre 11 e 14 deste mês, dependendo da vaga concorrida.

 

Na mesma página, o interessado também poderá acessar oportunidades de emprego abertas em unidades da Suzano de todo o País e ainda inscrever-se no banco de talentos da empresa.

 

Sobre a Suzano

 

A Suzano, empresa resultante da fusão entre a Suzano Papel e Celulose e a Fibria, tem o compromisso de ser referência global no uso sustentável de recursos naturais. Líder mundial na fabricação de celulose de eucalipto e uma das maiores fabricantes de papéis da América Latina, a companhia exporta para mais de 80 países e, a partir de seus produtos, está presente na vida de mais de 2 bilhões de pessoas. Com operações de dez fábricas, além da joint operation Veracel, possui capacidade instalada de 10,9 milhões de toneladas de celulose de mercado e 1,4 milhão de toneladas de papéis por ano. A Suzano tem mais de 35 mil colaboradores diretos e indiretos e investe há mais de 90 anos em soluções inovadoras a partir do plantio de eucalipto, as quais permitam a substituição de matérias-primas de origem fóssil por fontes de origem renovável. A companhia possui os mais elevados níveis de Governança Corporativa da B3, no Brasil, e da New York Stock Exchange (NYSE), nos Estados Unidos, mercados onde suas ações são negociadas.

Suzano

 

Versão Impressa

×

CAPA

Jornal Impresso



Mais Lidas

    
  1. PSICOLOGIA AEMS: MAIS UM RECONHECIMENTO DO MEC
  2. Longe dos problemas na Coluna
  3. ‘Não desistiremos do Brasil’, diz viúva
  4. Rodada define semifinalistas do Sul-Mato-Grossense sub-19
  5. Pistoleiro e matador Antônio Joaquim Aragão conhecido por “Camisa de Couro” morou em Três Lagoas