18 de Janeiro de 2021

(67) 3521-0808


Home
Meio Ambiente Cidade Política Geral Cultura Economia Outros Entretenimento Esporte Saúde e bem estar Ciência e Técnologia Turismo
Fotos Vídeos Contato 103 Anos de Três Lagoas
×





04/01/2021

Governador anuncia R$ 56 milhões para combate permanente de incêndios florestais

O governo do estado do Mato Grosso do Sul lançou o Plano Estadual de Combate a Incêndio Florestal, que vai reestruturar as forças operacionais de Mato Grosso do Sul visando a conservação e preservação dos recursos naturais do Estado e a vida das pessoas.

Serão investidos R$ 56,6 milhões de recursos próprios na compra de veículos e equipamentos, incluindo um avião Air Tractor, modelo norte-americano capacitado para combate de alta precisão a incêndios florestais, além de treinamento dos bombeiros. O investimento em tecnologia reforça as missões de combate aos focos de calor, como as que ocorreram no ano passado no Pantanal e no Cerrado.

O Plano de Trabalho de Combate a Incêndio Florestal, elaborado pela Semagro (secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, produção e Agricultura Familiar) e Sejusp (secretaria de Justiça e Segurança Pública) antecipa as estratégias e intensifica as ações de prevenção e controle, fundamentais para reduzir os danos ambientais e proteger as comunidades ribeirinhas.

Além de criar uma estrutura adequada para combater incêndios florestais de grandes proporções, o Estado desenvolve outras ações associadas ao plano, como a intensificação da fiscalização preventiva ao longo das estradas e linhões de energia e do monitoramento climático.

O plano de trabalho autorizado pelo governador Reinaldo Azambuja estima investimentos de R$ 56.629 milhões, em 2021, para criação de uma estrutura permanente.

Governo de MS

 

Versão Impressa

×

Jornal Impresso



Mais Lidas

  1. Sindicato dos Metalúrgicos quer que a Ford reverta demissões
  2. Veja o que pode e o que não pode no Enem 2020
  3. Pará proíbe entrada de barcos de passageiros provenientes do Amazonas
  4. Trabalhador afastado por Covid-19 tem direito a auxílio-doença do INSS
  5. PMA - MS autua 92 por crimes contra a fauna, resgata 774 animais de criminosos e captura 2.268 animais silvestres