Vídeos Quem Somos Contato
Padrasto acusado de abuso sexual de enteada de 11 anos em Ribas do Rio Pardo (MS) é preso em Campo Grande (MS)
21 de maio de 2021 08:30
Padrasto acusado de abuso sexual de enteada de 11 anos em Ribas do Rio Pardo (MS) é preso em Campo Grande (MS)
Polícia Civil MS

Ribas do Rio Pardo (MS): Na manhã desta quinta-feira (20), policiais civis do Setor de Investigações Gerais da Delegacia de Ribas do Rio Pardo e de Rio Verde realizaram ação conjunta que resultou na prisão de um homem de 45 anos, condenado definitivamente pelo crime de estupro de vulnerável contra sua enteada, de 11 anos.

Conforme o apurado, no ano de 2011 o homem de 45 anos foi investigado, no Município de Ribas do Rio Pardo, e indiciado por estupro de vulnerável.

Consta nos autos que, em pelo menos duas oportunidades, o suspeito aproveitou-se que estava sozinho com a vítima em sua residência e, sob a desculpa de examiná-la acerca de eventual doença, tirou suas vestes e introduziu o órgão genital na vagina da criança.

Os fatos foram descobertos porque a própria vítima procurou o Conselho Tutelar, órgão que a acompanhou até a Delegacia para registrar o boletim de ocorrência.

Concluído o inquérito, o homem foi processado e, ao final, condenado a uma pena de 9 anos, 7 meses e 15 dias de reclusão, no regime inicial fechado.

Uma vez transitada em julgado a decisão condenatória, a Justiça expediu em 2019 mandado de prisão em desfavor do criminoso e, desde então, o sentenciado esteve foragido, encontrando-se em local incerto e não sabido.

Recentemente, em trabalho de inteligência, Setor de Investigações Gerais de Rio Verde forneceu informações precisas ao SIG de Ribas acerca do possível paradeiro do foragido, em um rancho na Capital (área rural próxima à saída para São Paulo).

Diante dessas informações, a equipe se deslocou até o local indicado onde conseguiu capturar o sentenciado.

No momento da abordagem, admitiu que estava fugindo da Polícia há tempos por saber da existência do mandado de prisão.

Ele foi encaminhado à Delegacia Especializada em Atendimento à Mulher (DEAM), local onde permanecerá à disposição da Justiça.


Polícia Civil de MS






Mais Lidas
  1. Edificações nos rios de Três Lagoas (MS) é tema de reunião solicitada pela SEDECT à empresa CTG Brasil
  2. Governo de Mato Grosso do Sul inicia pagamento de auxílio aos profissionais de turismo nesta quarta-feira (15)
  3. Veículos com placa final 9 devem ser licenciados até o dia 30
  4. Base e oposição ao governo querem mudanças no novo Bolsa Família
  5. Brasil investe US$ 1 bilhão em importação de placas solares por ano, diz estudo

Ver