Vídeos Quem Somos Contato
Rota Bioceânica avança na construção da ponte binacional em Porto Murtinho - MS
20 de maro de 2024 13:53
Rota Bioceânica avança na construção da ponte binacional em Porto Murtinho - MS

Porta de entrada e de saída da Rota Bioceânica no Brasil, a obra da ponte binacional sobre o rio Paraguai, em Porto Murtinho, foi visitada pelo governador Eduardo Riedel, que aproveitou o momento para destacar as oportunidades econômicas e sociais que o novo corredor vai trazer ao Mato Grosso do Sul e todo o país.

O evento ocorreu nesta terça-feira (19), e contou com a presença dos ministros Waldez Góes (Integração e Desenvolvimento Regional) e Simone Tebet (Planejamento e Orçamento).

"A Rota vai se tornar realidade e abrir grandes oportunidades para Mato Grosso do Sul e ao Brasil. Temos que fazer nossa parte e contribuir para viabilizar esta integração. Obras importantes e estruturantes seguem do lado do Brasil e nos países vizinhos", afirma o governador.

Riedel lembra dos investimentos importantes do Governo Federal para viabilizar a Rota, como a revitalização da BR-267 e a alça rodoviária em Porto Murtinho, que vai dar acesso a ponte.

"Pedimos sete obras no PAC [Programa de Aceleração do Crescimento] e todas serão atendidas, entre elas o acesso à ponte que é essencial. Temos ainda que agradecer aos empresários, pois os investimentos privados são fundamentais para implantação da Rota", completa.

O ministro Waldez Góes destaca que muitos contribuiram com o sonho da Rota e que este é um compromisso do Governo Federal. "Existe um compromisso integral e de primeira hora com a ligação aos países sul-americanos, para promover esta integração. São cinco rotas, entre elas a Bioceânica, uma das mais importantes", descreve.

Já a ministra Simone Tebet lembra que toda esta ligação começou lá atrás com o planejamento e trabalho de muitos.

"Quando se junta as forças, se chega mais longe e se conquista resultados. A construção da ponte e a Rota são exemplos disto. Foi necessário todo este esforço para que este projeto se torne realidade, ligando o Brasil ao mundo. Os produtos do Centro-Oeste vão chegar mais rápido e ficarão mais baratos na China. Esta dinâmica vai mudar a vida das pessoas. Das cinco rotas de integração, esta será a primeira a ser inaugurada", frisa.


Governo de MS






Mais Lidas
  1. PRF apreende 350,7 kg de maconha e 19,2 kg de skunk em Água Clara - MS
  2. Governo indica Magda Chambriard para presidência da Petrobras
  3. Mortes no Rio Grande do Sul aumentam para 151
  4. Vestuário já é 70% dos donativos arrecadados pelos Correios; estatal pede que população priorize doação de outros itens
  5. Governo não vai competir com produtores gaúchos de arroz, diz Fávaro

Ver